Publicações recentes

Contributors

Mãe é impedida de acompanhar bebê na urgência do HUSE

sexta-feira, 9 de agosto de 2013
A dona de casa Rosangela, denuncia que foi impedida por médicos do HUSE - Hospital de Urgência de Sergipe de acompanhar seu filho que deu entrada na urgência da unidade na manhã desta sexta-feira, 09.
O bebê de seis meses chegou ao hospital apresentando problemas respiratório por volta das 8 horas da manhã. 
Segundo o que relatou a mãe, as enfermeiras levaram a bebê pra realizar exames e assim diagnosticar a causa da falta de ar, só que a mãe foi impedida de fazer o acompanhamento. Depois de três horas esperando a mãe recebeu a noticia de que a paciente iria ficar internada tomando soro por tempo indeterminado.

Ainda de acordo com as informações passadas por Rosangela os médicos não foram claros ao informar os motivos do impedimento que foi imposto a ela em não poder acompanhar sua filha. Os médicos justificaram a atitude alegando que a mãe só poderia fazer o acompanhamento depois que os exames fossem feitos.

CABE LEMBRAR:

O Lei 8.069, de 13 de julho de 1990 (Estatuto da criança e do adolescente) prevê que:

Art. 12. Os estabelecimentos de atendimento à saúde deverão proporcionar condições para a permanência em tempo integral de um dos pais ou responsável, nos casos de internação de criança ou adolescente.


Por Robson Bispo



Nenhum comentário:

Postar um comentário