Publicações recentes

Contributors

Grupo industrial goiano inicia atividade em Maruim

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Nesta sexta-feira, 10, representantes da Secretaria de Indústria e Comércio de Maruim visitaram as instalações da unidade fabril da Rifertil Fertilizantes. A empresa goiana comprou as dependências de outra fábrica que estava no local, às margens da BR-101.

Em Maruim, o grupo está operando apenas com as condições mínimas, com o estabelecimento do escritório administrativo. De acordo com o gerente, Edson Graciano, a unidade aguarda a liberação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para que seja iniciado o processo de fabricação. “A empresa trabalha com uma linha de produto que conta com mais de mil variedades com atendimento da demanda de Nitrogênio, Fósforo e Potássio”, destacou.
A empresa atua desde 2000 no agronegócio com duas unidades fabris: uma em Rio Verde e outra em Catalão, ambas no Estado de Goiás. A unidade industrial de Maruim é a terceira do grupo e a primeira do Nordeste.
Segundo o empresário e engenheiro agrônomo, Vítor Borges, a Rifertil trabalha com matérias-primas selecionadas e destaca a diversidade do produto, que conta com uréia protegida, que inibe a ação da enzima uréase e diminuição da perca por lixiviação. 
Para o representante da Secretaria municipal de Indústria e Comércio, José dos Santos, a empresa cumpriu as etapas e será mais um canal de oferta de empregos. “Maruim ganha com a arrecadação dos impostos e com a contratação da mão de obra local, que contribui para a geração de renda da população”, destacou.
De acordo com o gerente Edson Graciano, a previsão é que a Rifertil ofereça 23 empregos diretos no primeiro ano de funcionamento.
No dia 6 de março de 2013, representantes da empresa estiveram no gabinete do prefeito de Maruim, Jeferson Santana, para a assinatura do protocolo de intenções, que oficializava o interesse do município e da Adubos Rifertil Ltda., na instalação de uma unidade industrial.
A instalação da unidade, concretizada neste ano, tem incentivo do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI) da Companhia de Desenvolvimento Industrial e de Recursos Minerais de Sergipe – CODISE.
Um dos principais pontos de atração da empresa ao município foi a facilidade de escoamento do produto através da BR-101.


Por Ascom

Nenhum comentário:

Postar um comentário