Publicações recentes

Contributors

Trabalhador morto por ladrões deixa esposa grávida de quatro meses

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

O trabalhador da Coca-Cola Edvan Jose Cardoso, 31 anos, assassinado durante assalto ocorrido na última terça-feira (02/12), no conjunto Almirante Tamandaré, em Aracaju (SE), deixa a esposa grávida de quatro meses.


Segundo informações, a vítima realizava a distribuição das bebidas em uma mercearia, quando dois homens se aproximaram e anunciaram o assalto. Os bandidos efetuaram os disparos de arma de fogo sem dara chance de defesa para a vítima. 

Edvan não resistiu e morreu no local do crime. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para remover o corpo, a polícia investiga o caso.



Foto: Internet

Um comentário:

  1. O trabalhador morreu vitimado pelos assaltantes. Daí, pega-se esses assaltantes, coloca-se numa peste d,uma penitenciária q custou seus 8 milhões de reais e o povão é tão faz "xixi de cócoras" q tem enorme convicção q, quem custeou esse capital foi o governo, tem alimentação, visitas, condolência das visitas porq o detento tá ali e q deveria tá em casa, tem quarto PRIVÊ p,ra fazer amorzinho (só aí é de arrombar, detentos se quiser sexo vá fazer troca-troca) é redução da pena se ficar caladinho, é INDULTO NATALINO (é outra coisa de arrombar, o defunto vitimado deveria ter indulto tbm, sair da cova e retornar após o Natal, meia só p,ra sapato) e o gado humano ñ sabe q cada detento tem um custo como se fosse diária d,um hotel, ñ tá ali gratuito e se falar isso ao povo acha q, quem custeia essa diária é o governo. Povão indiota mais por fora q nem arco de barril. Coloca esse detento na penitenciária, eu pergunto: a vida da vitima fica em q?

    ResponderExcluir