$type=ticker$count=8$cols=4$cate=0

$type=grid$count=4$tbg=$meta=0$snip=0$rm=0$show=home

Gerência Ambiental da Deso realiza ações para mitigar degradação do solo

SHARE:

O solo sempre foi considerado um minério renovável, mas algumas práticas humanas tem alterado esta condição. A eliminação da cobertura...


O solo sempre foi considerado um minério renovável, mas algumas práticas humanas tem alterado esta condição. A eliminação da cobertura do solo, aceleração da decomposição da matéria orgânica, uso de solos impróprios para práticas agropecuárias ou florestais, estão se tornando mais frequentes do que a capacidade de formação do solo, resultando na sua degradação.  

As principais formas de degradação do solo, relacionadas com a interferência humana, são a erosão, desertificação, assoreamento de rios e contaminação dos solos, e a Companhia de Saneamento de Sergipe - Deso  tem desenvolvido projetos para mitigar cada um destes problemas.

O reflorestamento é umas das atividades que já fazem parte da agenda da Companhia há seis anos. Neste tempo, a Companhia já realizou o plantio de mais de 60 mil mudas de árvore nativas das regiões no entorno dos mananciais utilizados para abastecimento.

Com o investimento de R$ 1 milhão, em recursos próprios, a Deso revitalizou a mata ciliar de doze rios e riachos em todo o estado, entre eles: Rio Fundo, em Itaporanga; Riacho Tabocas, nos povoados Sapé e Jenipapo; Riacho Cajueiro dos Veados, em Malhador; Rio Jacarecica e Poxim, principais afluentes do Rio Sergipe.

“Acompanhamos o desenvolvimento das mudas até elas se tornarem adultas. Agora, adultas, elas protegem a mata ciliar e o solo contra a erosão. Conseguimos melhorias importantes na qualidade e quantidade de águas naqueles rios, fazendo com que a gente possa ter a garantia hídrica abastecer as cidades que guardam aquele manancial”, explica o coordenador de recursos hídricos da Deso, Luiz Carlos.

Mais investimentos

A Deso continua buscando formas de ampliar o projeto de reflorestamento e recuperar o bioma de outros rios e riachos. Além disso, novas ideias para a recuperação de áreas degradadas estão sendo estudadas. A equipe de Gestão Ambiental da Deso tem verificado a possibilidade de utilização de lodo das Estações de Tratamento (ETE) para mitigar o assoreamento e a erosão das terras nas proximidades da Barragem do Poxim.

De acordo com o engenheiro ambiental e sanitarista da Deso, Erasmo Gomes o reaproveitamento do resíduo já foi testado por outras organizações, apresentando resultados  positivos. “O lodo de esgoto é rico em matéria orgânica, portanto, depois de tratado, ele tem alto potencial para utilização como adubo e recuperação dos nutrientes do solo e também reflete positivamente na qualidade da água”, explica.

Outra frente de atuação em que a Deso se faz presente na luta pela conservação do solo é o Plano Estadual de Combate à Desertificação e Mitigação dos Efeitos da Seca (PAE/Sergipe). Uma iniciativa que visa reduzir os danos da seca ao ecossistema e à população da região do semiárido do estado.

Para frear o avanço da desertificação em Sergipe, a Deso cederá expertises que, juntamente com equipes de outras instituições, irão refletir e apontar soluções para o problema. Além disso, as obras de abastecimento para a região do alto sertão e semiárido serão intensificadas e as campanhas de educação socioambiental passarão a fazer parte do cotidiano da população nestas localidades.

Degradação do solo

As áreas desertificadas ou sob risco de desertificação, no Brasil, já somam 1,3 milhão de km², cerca de 15% do território. Na região Nordeste, estima-se que cerca de 230 mil km² já não estejam em condições de cultivo, uma área dez vezes superior ao estado de Sergipe. O avanço da exploração agrícolas na região é apontado pelo Ministério do Meio Ambiente como a principal causa. “As terras que antes eram utilizadas para agricultura familiar, passaram a ser exploradas pelo agronegócio, sem que antes fosse realizado um estudo de impacto ambiental. Hoje, a gente vê que o semiárido não suporta esse forma de uso, pois são mais vulnerável à desertificação e, além disso, ainda perdemos áreas produtivas devido ao  mal uso que é feito do solo”, explica a geógrafa e coordenadora de licenciamento ambiental da Deso, Marcelle Santos Melo.

As áreas em que a Companhia está realizando ações de recuperação têm a mesma história: exploradas à exaustão por agricultores.

De acordo com Luiz Carlos, os locais onde foram realizados os plantios de mudas, por exemplo, estavam tomados pelo desmatamento, e danificados pelo pisoteio do gado. Nas proximidades da Barragem do Poxim, a vegetação que protege o rio tem sido retirada, juntamente com a terra, colocando em risco a vida do manancial.

O solo é um componente essencial dos sistemas de produção e dos ecossistemas terrestres. Tão importante quanto a preservação da água, conversar o solo é cultivar a vida.

Via ASCOM

COMENTÁRIOS

Nome

Ambiente,97,Beleza,9,Cidades,253,Cinema,94,Colunistas,33,Comportamento,46,Concursos,97,Curiosidades,24,Diversos,715,Economia,159,Educação,170,Empregos,182,Esportes,216,Eventos,230,Flagrante,19,Gente,226,História,27,Humor,4,Internacional,60,Jogos,9,Justiça,123,Polícia,1991,Política,229,Religião,41,Saúde,201,Tecnologia,57,Trânsito,300,Vídeo,88,
ltr
item
Coisas de Socorro - NOSSA SENHORA DO SOCORRO E CONTEÚDO RELEVANTE: Gerência Ambiental da Deso realiza ações para mitigar degradação do solo
Gerência Ambiental da Deso realiza ações para mitigar degradação do solo
https://4.bp.blogspot.com/-MJkcvH6EBDs/VxF8yq_zOgI/AAAAAAAAHF4/R1AlfRiLHeco4bDeRAzxTkg1JrYLGxBzwCLcB/s200/DSC01427.JPG
https://4.bp.blogspot.com/-MJkcvH6EBDs/VxF8yq_zOgI/AAAAAAAAHF4/R1AlfRiLHeco4bDeRAzxTkg1JrYLGxBzwCLcB/s72-c/DSC01427.JPG
Coisas de Socorro - NOSSA SENHORA DO SOCORRO E CONTEÚDO RELEVANTE
http://www.coisasdesocorro.com.br/2016/04/gerencia-ambiental-da-deso-realiza.html
http://www.coisasdesocorro.com.br/
http://www.coisasdesocorro.com.br/
http://www.coisasdesocorro.com.br/2016/04/gerencia-ambiental-da-deso-realiza.html
true
5139585072829268810
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VER TUDO Ver mais Reply Cancel reply Delete By Home PAGES PUBLICAÇÕES Ver tudo RECOMENDADO PARA VOCÊ MARCADOR ARCHIVE PESQUISAR TODAS PUBLICAÇÕES Nenhum resultado encontrado VOLTAR PARA PÁGINA PRINCIPAL Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir PARA DESBLOQUEAR O CONTEÚDO SIGA OS PASSOS ABAIXO PASSO 1: Compartilhe. PASSO 2: Clique no link para desbloquear Copie todo o código Selecione todo o código Todos os códigos foram copiados para sua área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar