$type=ticker$count=8$cols=4$cate=0

$type=grid$count=4$tbg=$meta=0$snip=0$rm=0$show=home

Acusados de matar policial civil e comerciante no Abaís: dois mortos e dois presos

SHARE:

A Polícia Civil detalhou na manhã desta segunda-feira, 16, a operação que culminou na prisão dos indivíduos acusados de latrocínio c...


A Polícia Civil detalhou na manhã desta segunda-feira, 16, a operação que culminou na prisão dos indivíduos acusados de latrocínio contra o policial civil José Fernando Vieira Dias, 63 anos e a comerciante Maria José Silva de Freitas, ocorrido no dia 08 deste mês, em um estabelecimento comercial situado na Praia de Abaís, município de Estância.



Foram presos: David dos Anjos Reis, 21 anos, e o ex-presidiário José Damião dos Santos, mais conhecido como “Galego”, em cumprimento a mandados de prisão. Outros dois suspeitos, sendo um deles um adolescente de 17 anos, acabaram vindo a óbito após confronto com a polícia.



O delegado do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope), André David, detalhou as investigações que culminou na identificação, localização e prisão dos suspeitos: “Três indivíduos invadiram o bar na praia do Abaís. Na ação, dois criminosos renderam o policial e a proprietária do estabelecimento, que conversavam em uma mesa; já o terceiro acusado rendeu o marido da comerciante, no momento em que ele fechava o local para ir embora. 

Diante da ação violenta, o policial civil agiu sacando sua arma e disparou contra os criminosos, atingindo o David na altura do abdômen e braço. Na troca de tiros, o policial foi alvejado pelo adolescente e teve sua arma subtraída por um dos homens. O outro assaltante, Emídio Tiago dos Santos Vidal, o “Paiaiá”, articulador do crime, tomou a arma do agente e atirou contra as vítimas. Os três fugiram em direção à pista, onde havia o quarto comparsa, os aguardando com um automóvel Fiat Uno, de cor verde escura”.



De acordo com informações do delegado André Davi, o quarteto agiu de forma arquitetada e já era conhecido pela prática de crimes nas imediações do local. "Os criminosos agiram de forma covarde e muito violenta, um deles já era velho conhecido por crimes de assalto e tráfico de drogas na região, e graças à boa preservação da cena do crime os policiais puderam concluir o caso e prender os envolvidos", ressalta o delegado. 

Isso porque no bar foram encontradas manchas de sangue do criminoso atingido (David) e o par de sandálias abandonado por ele. Segundo a polícia, David havia dado entrada no Hospital de Urgências de Sergipe, ferido por arma de fogo apenas duas horas após o fato. “Ele alegou ter sido vítima de tiros após reagir a um assalto na porta de sua casa, no bairro Santa Maria, porém não havia registro da ocorrência. Após a comparação do material genético dele com as marcas de sangue no local do crime, e do depoimento da mãe, que confirmou ser de David o par de sandálias, não houve dúvidas da sua participação no crime”, salientou André David.



Durante o depoimento, Damião confessou o crime e os outros indivíduos de participação no crime. Com essa informação, os delegados André David, Hugo Leonardo e agentes do COPE seguiram para a casa onde Paiaiá estaria escondido, na zona rural de Itaporanga D’ajuda. Ao cercarem a residência, o criminoso saiu atirando em direção aos policiais, atingindo o pneu e a porta da viatura do Cope. Não obstante, foi alvejado e socorrido, vindo a óbito ao chegar no HUSE. No local, foi encontrada uma moto roubada e a pistola calibre .40 do policial Fernando, arma que utilizou para atirar contra a equipe do Cope.



Em seguida o mesmo grupamento rumou para a casa do adolescente de 17 anos, onde ele respondeu à chegada dos policiais a tiros. A resposta foi imediata, sendo o agressor atingido e levado ao HUSE, onde evoluiu óbito. Em seu poder, além do revólver usado contra a polícia, foram apreendidos dois tabletes de maconha prensada.



Ante o exposto, a Polícia Civil considera o caso foi totalmente elucidado, com a prisão e a morte em confronto dos quatro criminosos, e a recuperação da arma do agente de polícia conhecido Fernando, que morreu na defesa da sociedade sergipana.
Vitimas.

COMENTÁRIOS

Nome

Ambiente,97,Beleza,9,Cidades,253,Cinema,95,Colunistas,33,Comportamento,46,Concursos,97,Curiosidades,24,Diversos,717,Economia,159,Educação,170,Empregos,183,Esportes,219,Eventos,230,Flagrante,19,Gente,227,História,27,Humor,4,Internacional,60,Jogos,9,Justiça,123,Polícia,1995,Política,229,Religião,41,Saúde,201,Tecnologia,57,Trânsito,300,Vídeo,88,
ltr
item
Coisas de Socorro - NOSSA SENHORA DO SOCORRO E CONTEÚDO RELEVANTE: Acusados de matar policial civil e comerciante no Abaís: dois mortos e dois presos
Acusados de matar policial civil e comerciante no Abaís: dois mortos e dois presos
https://3.bp.blogspot.com/-ZbcYtJuRfWg/WH0bFjLgAYI/AAAAAAAAIVQ/DonB7TicE5MKgsQKiIb-4kAdptrQc2e4ACLcB/s640/assassinos.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-ZbcYtJuRfWg/WH0bFjLgAYI/AAAAAAAAIVQ/DonB7TicE5MKgsQKiIb-4kAdptrQc2e4ACLcB/s72-c/assassinos.jpg
Coisas de Socorro - NOSSA SENHORA DO SOCORRO E CONTEÚDO RELEVANTE
http://www.coisasdesocorro.com.br/2017/01/acusados-de-matar-policial-civil-e.html
http://www.coisasdesocorro.com.br/
http://www.coisasdesocorro.com.br/
http://www.coisasdesocorro.com.br/2017/01/acusados-de-matar-policial-civil-e.html
true
5139585072829268810
UTF-8
Loaded All Posts Not found any posts VER TUDO Ver mais Reply Cancel reply Delete By Home PAGES PUBLICAÇÕES Ver tudo RECOMENDADO PARA VOCÊ MARCADOR ARCHIVE SEARCH TODAS PUBLICAÇÕES Nenhum resultado encontrado VOLTAR PARA PÁGINA PRINCIPAL Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat January February March April May June July August September October November December Jan Feb Mar Apr May Jun Jul Aug Sep Oct Nov Dec just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir PARA DESBLOQUEAR O CONTEÚDO SIGA OS PASSOS ABAIXO PASSO 1: Compartilhe. PASSO 2: Clique no link para desbloquear Copie todo o código Selecione todo o código Todos os códigos foram copiados para sua área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar