Publicações recentes

Contributors

Comoção e homenagens marcam velório do major da PM/SE morto em acidente

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Clima de muita comoção tomou conta do velatório do militar na tarde do último sábado, 14. Era a despedida do corpo do major da Polícia Militar do Estado de Sergipe, Silvano Alves. O momento reuniu familiares, amigos, colegas de trabalho e integrantes da Banda de Música da PM.

O major, foi vítima de um grave acidente automobilístico que foi registrado na madrugada do sábado nas proximidades da ponte do conjunto João Alves em Nossa Senhora do Socorro. O oficial dirigia seu veículo quando perdeu o controle e capotou em uma ribanceira.

Silvano iniciou sua carreira na Corporação como soldado em 1993. Em 1995 foi aprovado no concurso para oficiais e cursou o CFO na Academia Militar da Polícia de Alagoas. Atualmente, exercia a função de subcomandante do 10º Batalhão de Polícia Militar (10º BPM), com sede no município de Nossa Senhora das Dores. Ele partiu deixando esposa e dois filhos.

O comandante geral da PMSE, coronel Marcony Cabral, compareceu ao velatório e prestou condolências à família do major. De acordo com o comandante, “a instituição encontra-se profundamente enlutada com a perda inestimável de um oficial promissor. O militar, que partiu de forma inesperada, fará muita falta à Família Policial Militar, mas deixa a marca de um grande homem e um excelente profissional, que sempre atuou em defesa da sociedade sergipana”, concluiu.

No velório, após a execução do toque de silêncio, a Banda de Música, regida pelo tenente Júlio, executou a música ‘Amigos Para Sempre’, homenageando o oficial falecido. Ao final, o corpo do militar, foi escoltado por um grande comboio de viaturas até o cemitério São Benedito, localizado na praça Princesa Isabel, bairro Santo Antônio, na capital.

Na chegada ao cemitério, o Batalhão de Choque efetuou uma salva de tiros para honrar o seu ex-integrante. A última homenagem ficou por conta do Grupamento Tático Aéreo (GTA), que sobrevoou o cemitério e liberou uma chuva de pétalas de rosas durante o sepultamento. O gesto emocionou a todos que participaram do funeral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário