Publicações recentes

Contributors

Novo diretor comandante da Guarda Municipal de Aracaju toma posse

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017
 
Diante de diversas autoridades, o prefeito Edvaldo Nogueira PCdoB, empossou, na manhã desta terça-feira (7), o subinspetor Fernando Lucas Alves Mendonça, diretor-geral da Guarda Municipal de Aracaju, diretor-geral da Guarda Municipal de Aracaju
Na solenidade, realizada na sede da corporação, no Parque Augusto Franco, o Mendonça anunciou que já está em elaboração o Plano Municipal de Segurança Pública, que visa trabalhar na prevenção e combate à criminalidade nas escolas, unidades de saúde, terminais e transporte público.
Fernando Mendonça é guarda municipal de carreira, formado em Geografia pela Universidade Federal de Sergipe, pós-graduado em Políticas e Gestão de Segurança Pública e em Gestão e Comando de Guarda Municipal. Atuou como supervisor-geral de Transporte e Trânsito de Aracaju e coordenador da Central de Vídeomonitoramento da GMA.  Atuou ainda com instrutor e professor de disciplinas nas áreas de trânsito e segurança pública.
“Com Fernando Mendonça, estamos colocando na Guarda Municipal um membro da própria instituição para dirigi-la, respeitando assim o Plano de Carreira. Isto está ocorrendo pela 1ª vez, após o período de transição com a subinspetora Valéria Bispo. Estamos fazendo história. É uma grande evolução, que respeita a lei que trata das Guardas Municipais em todo o país, que deu à corporação um caráter mais organizativo e que melhora a própria concepção que existia”, afirmou o prefeito.
Para ele, neste momento, em que o país atravessa uma de suas maiores crises na Segurança Pública, que impacta na realidade de Aracaju, que passou, nos últimos anos, por um aumento significativo da violência, a Guarda deve “participar ativamente das ações que garantam a segurança da população”. “É preciso que as pessoas de bem sejam amigas da segurança e da policia, e que os bandidos temam. Não podemos viver na sociedade em que o cidadão, que age honestamente e que trabalha diuturnamente, sofra com a violência. Precisamos – e vamos – colocar a casa em ordem. Para isso confio muito no Plano de Segurança, apresentado na semana passada pelo ministro Alexandre de Moraes”, ressaltou.
Edvaldo disse ainda que, mesmo diante das dificuldades de ordem financeira pelas quais o município passa, a Guarda Municipal estará mobilizada para dar a sua contribuição na prevenção e combate à criminalidade. “O município vai ser parte integrante deste processo global. A Guarda sozinha não resolverá o problema, nem a Polícia Militar, nem a Polícia Civil, nem a Polícia Federal sozinhas darão conta. É preciso dar as mãos, união e colaboração. A Guarda Municipal em Aracaju atuará sob algumas bases: inteligência, prevenção, combate e integração”, definiu.
Neste sentido, pontuou o prefeito, a GM de Aracaju colocará em funcionamento 82 câmeras de segurança e em circulação um ônibus moderno que também servirá para monitorar a cidade, para auxiliar o trabalho dos profissionais de Segurança em três áreas específicas: escolas, postos de saúde e transporte público.
“Voltemos os nossos olhos para a segurança nas escolas, onde a violência e as drogas têm avançado; para os terminais de integração e para os próprios ônibus, que serão monitorados; por fim, para os postos de Saúde. Se tem uma coisa que me dói o coração é quando vejo assalto e roubo a uma Unidade Básica de Saúde. Isso afeta, sobretudo, a população mais humilde”, afirmou.
Ao se dirigir especificamente aos profissionais da corporação, o gestor municipal disse que trabalhará pela valorização da categoria. “Não me esqueço dos compromissos que firmei naquela reunião que realizamos na sede do sindicato da corporação. Comecei a cumprir colocando como comandante um de vocês. Vou valorizar e transformar a guarda num instrumento de combate à marginalidade e de prevenção para que a gente possa ter uma cidade mais segura”, reforçou.

“Nova gestão”
O novo diretor-geral da Guarda Municipal, Fernando Mendonça, iniciou seu discurso, definindo 2017 como um ano de “novos rumos” para a corporação. Ele agradeceu a escolha do seu nome pelo prefeito Edvaldo Nogueira, a quem definiu como “um parceiro reconhecedor da importância da Guarda Municipal para a Segurança Pública”. “Importância essa explicitada na presença do ministro da Justiça, que não citou as Guardas no Plano de Segurança, mas foi lembrado pelo prefeito do papel fundamental da corporação”.
Ele disse ser consciente das responsabilidades da Guarda Municipal. “Precisamos trabalhar para garantir a preservação da vida, a proteção dos direitos fundamentais do cidadão, o patrulhamento preventivo, e o compromisso com a evolução da comunidade em respeito ao que preconiza a legislação federal e o Estatuto Geral das Guardas Municipal, ações que não serão realizadas sozinhas, mas com as demais forças de segurança”, salientou.
Em consonância com o chefe do Executivo Municipal, Fernando Mendonça reafirmou que o Plano Municipal de Segurança se deterá sobre a prevenção e combate à violência nas escolas, unidades de saúde e terminais do transporte público, além dos demais espaços e logradouros públicos, como praças, mercados, calçadões, parques e afins.
De acordo com o diretor-geral, a Guarda Municipal de Aracaju se tornará referência em todo o Brasil. “Já está em fase de elaboração a criação do Conselho de Operação Padrão da Guarda Municipal de Aracaju, instrumento essencial para prestação do serviço e que levará a nossa corporação a um novo patamar”, disse.
Para tanto, frisou ele, será preciso o empenho de cada um dos servidores da instituição. “Os servidores são o braço forte, os olhos atentos e o coração pulsante que há 26 anos dão vida a esta instituição. A porta do meu gabinete estará sempre aberta para recebê-los. As demandas da corporação são minhas demandas. Fico feliz por contar com o apoio dos meus companheiros de farda. Na minha gestão, todos serão tratados de forma idêntica, sem imparcialidade, privilégios, nem perseguições”, completou.
Prestigiaram a solenidade a vice-prefeita Eliane Aquino; o presidente da Câmara, Josenito Vitale; os vereadores Seu Marcos, Antonio Bittencourt, Jason Neto, Anderson de Tuca e Zezinho do Bugio; os secretários municipais Mendonça Prado, Carlos Cauê e Aristóteles Fernandes, além do tenente Heitor, do 28º BC; da tenente Juliane Lima, da Capitania dos Portos; do presidente do Sindicato dos Guardas Municipais de Aracaju, Ricardo Silva; do superintendente do Sesi, Acrisio Santos; de Juliano Ribeiro, da Agência Brasileira de Inteligência, de Diogo Almeida, da Aeronáutica, e do tenente-coronel William Vasconcelos, do Ciosp.  

Via Ascom

Nenhum comentário:

Postar um comentário