Publicações recentes

Contributors

60 HORAS: Guarda Municipal garante desocupação pacifica da prefeitura

quinta-feira, 18 de maio de 2017

A atuação da Guarda Municipal de Aracaju durante as 60 horas de invasão ao Centro Administrativo Prefeito Aloísio de Campos, iniciou na segunda-feira, 15, e encerrou no início da noite de quarta-feira, 17, cerca de 80 guardiões se revezaram para garantir a proteção do espaço público e dos servidores .
Durante todo o período, o diretor comandante da GMA manteve contato permanente com as lideranças dos manifestantes, gerenciando a crise e de forma cidadã promoveu atendimento médico para os ocupantes, numa atuação de respeito à incolumidade física dos integrantes do movimento social.
A atuação da Guarda Municipal de Aracaju (GMA) durante as negociações com as famílias do Residencial Vila Nova no Santa Maria ocorreu sem nenhuma incidência de confronto e sob a supervisão direta do diretor geral da corporação, subinspetor Fernando Mendonça, que inclusive participou ativamente da mesa de negociação junto com outros representantes da Prefeitura Municipal de Aracaju, da Defensoria Pública e da organização do movimento.
"Nossa atuação foi baseada exclusivamente no que rege os direitos humanos, tratando as pessoas da melhor forma possível, inclusive permitindo o retorno de manifestantes que precisaram ser conduzidos a unidades médicas para atendimento. Mesmo sendo uma situação de bastante tensão e longa, com três dias de duração, nosso gerenciamento de crise garantiu que não houvesse nenhum incidente entre as partes", afirma o subinspetor Fernando Mendonça, diretor geral da GMA.
No início da manhã da quarta, foi expedido pela justiça o mandado de reintegração de posse em desfavor dos ocupantes, porém a GMA persistiu no diálogo em busca de uma resolução pacífica do problema e a saída espontânea dos manifestantes, orientando e auxiliando, inclusive, o embarque nos ônibus cedidos pela Prefeitura após a assinatura do acordo.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário